Ômega 3, 6 e 9 da BIONATUS

Olá, Juniquetes e juniquitos. Estou de volta!
Hoje vamos conhecer os ômegas 3, 6 e 9 e seus benefícios para a sua saúde.
A Bionatus oferece essa vitamina completa que você pode fazer uso diariamente antes das principais refeições com água, 1 capsula 2 vezes ao dia e pode ter certeza que você vai perceber a diferença para a sua saúde.

DESCRIÇÃO

Fonte de Ômega 3,  6, 9, vitaminas E, A, K e D.

COMPOSIÇÃO

Óleo de abacate (extra virgem), Vitamina E, Vitamina A, Vitamina K e Vitamina D Cápsula: Gelatina, Água Purificada, Umectante Glicerina e Corante Clorofila.  NÃO CONTÉM GLÚTEN.

TIPOS DE ÔMEGAS

ÔMEGA 3

ômega-3, um tipo de gordura encontrado em peixes e oleaginosas, ficou famoso por seus préstimos à saúde. Porém, uma revisão de estudos do Instituto Cochrane, uma organização global e independente que avalia pesquisas médicas, indica que a suplementação desse nutriente para a população em geral não evitaria doenças cardiovasculares, como o infarto.

Foram revisados 79 experimentos que, no total, somaram mais de 112 mil voluntários. O objetivo inicial dos testes era descobrir quais os efeitos no peito da alta ingestão de ômega-3, comparando com um consumo normal ou baixo. Mas detalhe: a maioria dos trabalhos analisados envolvia o uso de comprimidos ou alimentos fortificados com a substância.

A conclusão é a de que os suplementos não diminuem o risco de sofrer problemas cardíacos ou de morrer por essas enfermidades. Tim Chico, médico da Universidade de Sheffield, na Inglaterra, foi convidado pelo Instituto Cochrane para dar sua opinião sobre o artigo. E comentou no site da entidade: “Embora uma alimentação balanceada tenha um papel importante na prevenção de doenças cardíacas, é improvável que isso esteja relacionado a um componente específico das refeições”.

ÔMEGA 6

 

Uma revisão australiana de 20 estudos englobando dados de 39 740 pessoas concluiu que, quanto maior o consumo de ácido linoleico (uma versão do ômega-6), menor o risco de encarar o diabetes tipo 2. Já o ácido araquidônico, substância originada a partir dessa gordura – e muito associada a processos inflamatórios -, não traria riscos nem benefícios nesse contexto.

Para o nutricionista Dennys Cintra, da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp), os achados devem ser vistos com cautela. Encontrado nos óleos de milho e girassol, o ômega-6 é essencial para o organismo.

“Só que, por ser mais comum na natureza que o ômega-3, é mais fácil sofrer pelo excesso do que pela falta dele”, diz. Aliás, é isso o que costuma ocorrer por aqui – e o resultado é inflamação. “No estudo, o ômega-6 pode ter entrado no lugar da gordura saturada, cujo excesso é prejudicial”, raciocina Cintra.

ÔMEGA 9

Essa “gordura boa” traz diversos benefícios para a saúde. Em primeiro lugar, ajuda a reduzir o colesterol ruim (LDL) sem diminuir a quantidade de colesterol bom (HDL) no nosso corpo. Isso sem falar que é responsável por diminuir os triglicerídeos e equilibrar a pressão arterial. Com esses fatores somados, o ômega 9 acaba sendo muito bom para o coração, reduzindo o risco de infartos e derrames.

Ele também ajuda a prevenir o câncer, já que colabora para a formação das membranas celulares, evitando possíveis alterações ou mesmo sua oxidação e envelhecimento precoce. Além disso, permite que o transporte e absorção de vitaminas pelo organismo seja mais eficaz, o que contribui para uma maior resistência imunológica, evitando gripes e outras doenças contagiosas.

ONDE SE ENCONTRAM OS ÔMEGAS

Ômega-3: é reconhecido pela ação anti-inflamatória.

  1. Chia,
  2. linhaça,
  3. nozes,
  4. óleo de canola,
  5. peixes de água fria são as principais fontes.

Ômega-6: o ideal seria ingerir três partes dele para uma de ômega-3. Mas estima-se que chegamos a 50 partes para uma, o que contribuiria para estados inflamatórios.

Ômega-9: outra gordura com habilidade para barrar inflamações.

  1.  azeite de oliva,
  2. óleo de canola,
  3.  abacate,
  4. amendoim.

FONTE: tipos de ômegas www.saude.abril.com.br e nos links acima.

Você já tomou essa vitamina? sentiu difernça?

Um abraço com muita saúde,

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *