Corrente Russa

A técnica foi desenvolvida na Rússia (como o nome já evidência), na década de 80, e foi utilizada inicialmente para a melhora da flacidez, atrofia e fadiga muscular que os astronautas do país apresentavam, pela falta da ação da gravidade na musculatura, ao retornar de suas missões espaciais.

A corrente russa é um estímulo elétrico usado para produzir uma contração muscular no local em que ele é aplicado.

Com isso, haverá melhora no tônus muscular e na flacidez da pele, além de estimular a circulação sanguínea e linfática e a oxigenação celular.

Esteticamente pode ser usada para promover maior tonicidade muscular facial e corporal, melhora da celulite e a modelagem corporal.

Pode ser usada também para a recuperação do tônus muscular pós-parto e pós emagrecimento, além de pré e pós-lipoaspiração.

 

 

Contraindicações da corrente russa

Gravidez
Pressão alta ou baixa
Processos infecciosos, inflamatórios e febre
Neoplasia
Doenças renais crônicas
Patologias pulmonares (como enfisema)
Tumores na pele ou doenças de pele extensas
Doenças reumatológicas
Varizes e fragilidade de vasinhos
Pacientes Cardíacos
Equipamentos de monitoração (marca-passo)
Dispositivo Eletrônico Implantado
Pacientes senis e epiléticos

RESULTADOS ESPERADOS

A eletroestimulação pode recrutar 40% a mais das fibras musculares do que no exercício comum. Sendo assim, ela é capaz de remodelar o corpo, diminuindo a flacidez, aumentando o tônus muscular e trazendo melhora para a celulite de forma rápida e eficaz. Para ajudar no tratamento e como manutenção:

Atividade física regular, a corrente russa cria uma força logo será perdida, se o músculo não for utilizado depois em um exercício.

Alimentação equilibrada, moderar o consumo de frituras, açúcar, carboidratos simples e gorduras saturadas.

 

Resultado de uma sessão
Resultado de uma sessão

Frequência do tratamento: 2 a 3 x na Semana  – Duração: 20min/sessão –  Nº de sessões: 10 a 20.

 

Conheça outros tratamentos estéticos que podem te interessar CLICANDO AQUI

 

UM ABRAÇO COM MUITA SAÚDE

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *